Antonio Lopes - Ensaio Psicanalítico 424 - A tentação da Pedofiia
Este é um assunto polêmico, complicado de lidar e entender, mas é uma realidade que não se pode negar e que, num grande número de vezes, fica escondido, pois gera reações como raiva e indignação. A manifestação de desejo por crianças pode surgir durante a adolescência e, muitas vezes, é reprimida pela vergonha de tal sensação, tenta(...)


Colunistas Há 10 dias ler

Antonio Lopes - Ensaio Psicanalítico 423 - Liberdade e felicidade
A falta de liberdade individual, no sentido amplo da palavra, para fazer o que quiser, quando quiser, como escolher como se vestir, onde morar, qual filme quer assistir, o que estudar, qual profissão assumir, que livros ler, um programa favorito de televisão, uma religião, com quem quer namorar e se casar, como é o seu corte de cabelo e o seu m(...)


Colunistas Há 19 dias ler

Antonio Lopes - Ensaio Psicanalítico 422 - Epidemia de estresse
Um bombardeio de informações, demandas em quantidades infindáveis, prazos para concluir tarefas, compromissos e mais compromissos, apelos publicitários atacando a percepção humana com todas as formas de mensagens consumistas e de formação de conceitos, religião, política, desastres, criminalidade elevada, conflitos e barbaridades assolam (...)


Colunistas Há 26 dias ler

Antonio Lopes - Ensaio Psicanalítico 421 - Compreendendo a Adolescência
A saudade bate no peito quando lembramos da adolescência. É uma fase crítica que agita comportamentos humanos com as transformações orgânicas e psíquicas, a partir dos 13 anos de idade. Rótulos de rebelde, problemático, desobediente, aborrecente e impossível, entre outros. Os pais ficam sem entender como que a criança se transformou em u(...)


Colunistas Há 1 mês ler

Antonio Lopes - Ensaio Psicanalítico 420 - A qualidade de vida
Ruminar as imperfeições pessoais, reclamar a todo instante sobre tudo, colocar a culpa nos outros, enganar a si mesmo com fantasias e justificativas para o fracasso, só faz amargar a memória, tornando-se chato e insuportável. Dessa forma, as pessoas se afastam e não convidam a participar das atividades sociais e de lazer. Ninguém aguenta! Is(...)


Colunistas Há 1 mês ler

Antonio Lopes - Ensaio Psicanalítico 419 - “Vamos dar um tempo”
Será que “dar um tempo” é o melhor caminho para se pensar no relacionamento? Às vezes precisamos ficar sozinhos para meditar, em busca de entendimento da razão da vida a dois. Porém, quando surge o questionamento, pode ser porque a vontade de se separar – ou de explorar novas oportunidades e pessoas – é mais forte. Quando uma pessoa p(...)


Colunistas Há 1 mês ler