arraste para o lado para ver mais fotos
COMUNICADO: Ajustes operacionais no Porto de Itajaí para redução de filas

DATA DE INCLUSÃO: 25/11/2020 19:05

O Município de Itajaí, em conjunto com a Superintendência do Porto, informa que está traçando melhorias em caráter emergencial para minimizar e solucionar os transtornos registrados na entrada de caminhões no Porto e otimizar o fluxo interno das operações. As tratativas avançaram nesta quarta-feira (25), quando o prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, esteve reunido com representantes de diversos setores da atividade portuária.

O encontro realizado nesta manhã definiu ações que já estão sendo colocadas em prática, com o objetivo de se conter de imediato os problemas interferem no sossego da sociedade, como a realização de “buzinaços” nas principais vias e imediações de acesso ao porto:

- A contratação imediata de 35 motoristas pela APM, externos do OGMO (Órgão Gestor de Mão de Obras), com o aval e concordância dos representantes da Mão de Obra e sindicatos da categoria, dando com isso mais agilidade na movimentação interna do porto;

- O Porto de Itajaí, por meio da APM, está providenciando a importação da Alemanha da peça para o reparo de um guindaste que garante maior agilidade nas operações dos navios. Este equipamento entrará em operações ainda na primeira quinzena de dezembro;

- Revisão nas emissões de senhas para adequar a capacidade operacional hoje instalada pela APM, minimizando assim a quantidade de caminhões em via pública;

- Melhorias dos serviços de guincho para atender aos caminhões na área interna do terminal;

- Implantação do Sistema Carrossel, uma inovação na logística interna do Município de Itajaí, no qual todos os caminhões entrarão apenas por um portão (Gate 01) e sairão pelo portão 2, diminuindo os conflitos. Obs.: Esta ação depende da finalização de uma licitação agendada para o dia 09 de dezembro e da liberação final para implantação por parte da Receita Federal.

- Preocupados com a população, serão intensificadas as rondas pela Guarda Municipal e por agentes da Codetran com o objetivo de conscientizar os motoristas a não fazerem “buzinaços” - serão ações em caráter educativo e não punitivo;

- Melhorias no fluxo operacional interno para diminuir a permanência do motorista na área primária do porto;

- Nova reunião no gabinete do prefeito Volnei Morastoni nesta sexta-feira (27) para debater, alinhar e melhorar as ações propostas.

O Porto de Itajaí ainda aproveita para esclarecer alguns pontos que têm provocado demora na logística portuária. Por exemplo, está sendo registrado um expressivo acréscimo semanal no volume de contêineres de importação e falta de mais de 80 trabalhadores avulsos de mão de obra direta, positivos para Covid-19. Há ainda um guindaste quebrado da APM e muitos motoristas adiantados no seu horário de agendamento, aumentando ainda mais as filas em vias públicas, entre outros fatores.

Participaram da reunião nesta quarta-feira (25) representantes da Superintendência do Porto de Itajaí, APM Terminals (empresa arrendatária do Porto de Itajaí), Procuradoria Geral do Município, Mão de Obra (TPAs), Sindicato dos Despachantes Aduaneiros, Codetran, Representantes dos Transportadores Autônomos, entre outros.

Por fim, o Município de Itajaí e a Superintendência do Porto de Itajaí ressaltam que apesar das dificuldades decorrentes da pandemia, o Porto de Itajaí vive um momento pleno e intenso em sua movimentação.

Grande orgulho de Itajaí, a atividade portuária contribui com a nossa cidade gerando riquezas para a economia local, estadual e nacional. Portanto, a prioridade máxima agora é minimizar, em curto espaço de tempo, os impactos negativos da atividade para a população. 

Notícia retirada do site da Prefeitura Municipal de Itajaí
Créditos foto:




Notícias 1 mês