arraste para o lado para ver mais fotos
Antonio Lopes - Ensaio Psicanalítico 418 - SMART

Um grande número de pessoas leva a vida sem estabelecer um objetivo e cantam “deixa a vida me levar, vida leva eu, sou feliz e agradeço por tudo que Deus me deu”. A falta de um sonho específico coloca o ser humano ao sabor das ondas da vida, em um vai e vem infinito, resultando num quadro que parece impossível atingir, não permitindo a alegria de alcançar alguma realização. Alguns até chegam a ter sucesso na atividade profissional, dedicando-se com o máximo esforço para uma empresa, manifestando orgulho em ter alcançado um cargo ou uma posição mais elevada. Mas, há o esquecimento de que nada é para sempre e que não somos onipotentes.

Falar: “Vou estabelecer uma meta de vida”, mas não ter um objetivo concreto, real, fica na fantasia mental, com devaneios e falsas justificativas para si próprio. Uma voz interior diz: “Eu tentei, mas é muito difícil, fiz de tudo e não consegui, não tenho sorte”. Dessa forma a vida vai passando, apenas sobrevivendo, sem alcançar algum resultado significante, porque não tem meta e objetivo, sempre correndo atrás, sem uma visão do que é capaz, sem liberar sua potência interior.

Fixar um objetivo é o primeiro passo para estimular o Ego a alcançar um sonho. O objetivo é o desejo e deve ser forte, claro e bem definido. É um sonho específico. A motivação surgirá com bastante energia se a pessoa puder sentir e cravar bem, em sua mente, uma tela mental, com o que estiver desejando. Desenvolver um projeto de vida, mesmo que seja bem simples, libera a criatividade, evitando cair no marasmo do conformismo por nada conseguir, eliminando a queda para a depressão e sentimento de incapacidade.

Utilizar a sigla SMART para criar um projeto de vida pessoal pode ser o caminho para a busca do bem-estar humano, que permite deixar claro os passos para ficar com mais harmonia e equilibrar os pensamentos, resultando em satisfação pessoal tão necessária para uma vida saudável.

Vejamos como utilizar o SMART:
S significa sonho específico, elaborado e definido, vivo e energizado. Desejo ardente e obsessivo.
M é a mensuração, é o mesmo que medir, é dimensionar e definir o desejado.
A é analisar se é alcançável, para evitar sonhos mirabolantes e fora da realidade.
R precisa ser relevante, verificar se é realmente importante e se trará benefícios e satisfação plena.
T é o tempo estipulado para alcançar, é o estabelecimento de metas com prazos.

Acrescento mais três palavras: Visão, Compromisso e Competência.

Ter visão do que pode ser realizado e assumir compromisso, como se estivesse efetuando uma compra a prazo e ter competência para pagar com o esforço pessoal, complementa a estratégia para sair do oba oba e seguir com energia, para transformar o sonho em realidade.

A fixação de objetivo é o combustível para produzir a motivação que impulsiona o motor mental, disparando comportamentos elaborados, eliminando o cansaço, a preguiça, a procrastinação, as desculpas, a falta de direcionamento. Objetivos fixados passam a ser desafios, exigindo maior empenho. Utilizando os passos do SMART, se evitará objetivos impossíveis, pois esses podem desestimular e estressar o indivíduo.

O dito popular “estou correndo atrás” pode levar ao cansaço. Correr na frente significa que sabe o que quer e desenvolve a capacidade de eliminar os obstáculos pois, uma vez determinado, sempre estará na frente com soluções mais adequadas, não admitindo imprevistos. É assumir compromisso e sentir a emoção de chegar na frente, subir ao pódio e se permitir a alegria de conquistar alguma coisa que você merece. O que bloqueia as pessoas são seus pensamentos de que não são merecedoras de uma vida melhor.



Crônica anterior        /         Página inicial         /        Crônica seguinte




Diversos 10 meses